Artigo de opinião sobre a nova Diretiva sobre Ações Coletivas para Proteção de Consumidores

Miguel Sousa Ferro e Maria José Azar-Baud escrevem no EU Law Live que a Diretiva é um cordeiro em pele de lobo, um resultado muito dececionante para a proteção dos consumidores na UE, que deixa a responsabilidade de proteção efetiva dos direitos dos consumidores com os legisladores nacionais e com o TJUE.

Leia o artigo aqui, ou descarregue versão pré-publicação aqui.